SOLDA OXIGÁS: O GUIA ESSENCIAL

SOLDA OXIGÁS

A Solda Oxigás é um processo de fusão, afinal o gás serve para fundir. Sabemos que o melhor método para unir duas peças de metal, é através da Soldagem.

Com o passar do tempo, diversos processos de soldagem foram desenvolvidos com as suas atribuições e características específicas.

No nosso artigo de hoje vamos falar sobre Solda Oxigás. Conheça o processo, como é feita, para que serve, as características e materiais e equipamentos usados. Boa leitura.

A Solda Oxigás é um processo de fusão, afinal o gás serve para fundir.

EQUIPAMENTOS PARA SOLDA OXIGÁS

solda oxigás
Solda Oxigás (Clique para ampliar a imagem)

Cilindro de armazenamento de gases: Nesses cilindros são armazenados os gases, na saída de cada um deles, existem reguladores de pressão, os reguladores são extremamente importantes para controlar a pressão de forma adequada, para o trabalho com o gás gás na hora da aplicação.

Os reguladores de pressão podem ser divididos em dois tipos: De um estágio ou de dois estágios.

Maçarico: Após a regulagem da pressão do gás, através da mangueira, o gás é direcionado para o maçarico. Esse componente é o principal do equipamento como um todo. Existem vários formatos diferentes de maçarico mas, basicamente todos eles têm os seguintes componentes:

  • Corpo injetor: Por onde os gases entram no maçarico;
  • Reguladores de passagem dos gases;
  • Misturador: Onde os gases se encontram;
  • Lança: Que conduz a Mistura até o bico;
  • Bico: Possui um orifício onde os gases misturados passam.

MODELOS

solda oxigás
Solda Oxigás (Clique para ampliar a imagem)

Normalmente existem dois tipos de maçarico. Cada um deles projetado para uma função específica. Eles são parecidos porém são diferentes em suas características:

Maçarico injetor de baixa pressão de acetileno:  é mais simples, a mistura de gases é constante

Maçarico misturador; Nele você pode controlar melhor a proporção de gases distribuídos no misturador.

SEGURANÇA

solda oxigás
Solda Oxigás (Clique para ampliar a imagem)

A solda Oxigás, devido a sua chama, atinge temperaturas altíssimas, por isso o uso de EPI’s para o procedimento, é indispensável.

Veja os principais EPI’s utilizados clicando aqui

GASES

solda oxigás
Solda Oxigás (Clique para ampliar a imagem)

O equipamento de solda oxigás, é usado em procedimentos como dobramento, brasagem, dentre outros, na indústria, esse tipo de soldagem, é utilizado na maioria das vezes para serviços de manutenção, mais usado do que na linha de produção. De toda forma, é um método importante de soldagem.

O gás utilizado é tão importante quanto o equipamento, não necessariamente falamos de um gás mas da mistura de dois gases.

Um dos gases sempre é o Oxigênio, que vem armazenado em cilindros pretos, o oxigênio, sempre é utilizado em seu estado puro e é responsável pela aceleração das reações no momento da aplicação da solda e também pelo aumento de temperatura da chama.

Outros gases responsáveis podem ser o hidrogênio, o propano, o metano, o gás natural e o acetileno, este último o mais usado nos procedimentos de rotina, por gerar uma chama de alta temperatura, e de alta velocidade de propagação, características adequadas para uma soldagem de qualidade.

De acordo com a mistura utilizada, pode se obter diferentes tipos de chama para diferentes aplicações:

Chama redutora: Ela tem maior quantidade de acetileno do que de oxigênio e é usada para soldar ferro fundido, chumbo, alumínio e ligas de zinco.

Chama neutra: Ela tem em sua composição, uma parte de acetileno, e uma parte e meia de oxigênio do ar. Ela apresenta uma espécie de dardo brilhante. Ela é usada na soldagem de todos os tipos de aço.

Chama Oxidante: Ela serve para soldar aço galvanizado, latão e bronze, ela tem mais oxigênio do que acetileno.

PROCEDIMENTO

solda oxigás
Solda Oxigás (Clique para ampliar a imagem)

Você pôde observar que o gás mais utilizado junto com o Oxigênio é o acetileno, tanto é que a Solda Oxigás também é conhecida como soldagem oxiacetilênica, apesar de não ser utilizada na indústria, esse tipo de soldagem, é muito popular em funilarias, no reparo de carros com batida ou amassado.

Em primeiro lugar, ao aplicar um procedimento de Solda Oxigás, é aplicado o metal de base que tem a forma de uma vareta, que é derretida e se funde ao metal de base.

METAL DE BASE X METAL DE ADIÇÃO

solda oxigás
Solda Oxigás (Clique para ampliar a imagem)

O metal de base se trata das peças que precisam ser fundidas, ou seja, unificadas, já o metal de adição é o material que será derretido e ajudará a formar o cordão de solda, unindo o metal de base, dando a espessura e as características mecânicas projetadas para o cordão da solda.

APLICAÇÃO

solda oxigás
Solda Oxigás (Clique para ampliar a imagem)

Ao iniciar a aplicação da solda oxigás, em primeiro lugar, inicia-se com a abertura das válvulas dos cilindros dos gases e depois regular as saídas deles.

Após isso, deve-se acender e regular a chama, após isso já se pode começar o trabalho formando a poça de fusão.

A poça de fusão é o espaço em que o metal entra em estado líquido se misturando ao metal de base, formando o cordão de Solda.

VOCÊ ESTÁ PRECISANDO DE SUPORTE PARA SOLDA OXIGÁS?

Portanto, se você tem interesse em Solda Oxigás, ou precisa apenas de um orçamento para um determinado projeto, estamos aqui para ajudar.

FAQ SOBRE SOLDA OXIGÁS

O que é solda oxigás?

Soldagem de Oxigênio (OFW) inclui qualquer operação onde o gás combustível é queimado usando oxigênio como meio de aquecimento. O processo envolve o uso de uma chama criada na ponta de uma tocha para derreter um metal de base, geralmente um metal de adição.

para que serve a solda Oxigás?

Soldagem de placas finas, tubos de pequeno diâmetro e também amplamente utilizado para soldagem de reparo. Basicamente cilindros de oxigênio e acetileno, reguladores de pressão, mangueiras, lanternas, acendedores de chama, ferramentas e diversos equipamentos de segurança (óculos, luvas, válvula de retorno, etc.)

Quais gases são utilizados no processo de soldagem da Oxigás e quais são suas características no processo?

Uma mistura de soldagem oxigás é formada a partir do gás combustível que produz a chama e do gás oxidante que proporciona a reação, produzindo uma chama de temperatura mais alta, sendo o acetileno e o oxigênio os gases mais utilizados atualmente no processo.

Para que serve o fluxo?

No processo de soldagem entre metais, o fluxo tem uma tripla função: primeiro remove a oxidação da superfície a ser soldada, depois sela a entrada de ar, evitando assim a continuação do processo de oxidação e, finalmente, sua principal finalidade é promover a fusão da solda com o metal. 

Que tipo de gás é necessário para a solda OXIGÁS?

O gás comumente usado para soldagem é uma mistura de oxigênio e acetileno, o gás de alimentação da chama e o gás combustível. Outros gases além do acetileno podem ser usados, embora proporcionem menor intensidade térmica e, portanto, temperaturas mais baixas.

Cansado de ler? Então escute o nosso Podcast sobre Solda Oxigás
solda oxigás
Clique e veja nosso vídeo sobre Solda Oxigás

ENTRE EM CONTATO!

Entre em contato para saber mais sobre nossos serviços.

Escolha o meio de contato que for melhor para você!

QUER CONTINUAR INFORMADO?

Gostaria de ficar por dentro de todas as novidades que pulicamos em nosso site?

Faça sua inscrição e receba nossos e-mails com conteúdos de qualidade sobre inspeção, qualificação, consultoria, engenharia e treinamento de soldagem.

CONHEÇA O GLOSSÁRIO DA SOLDAGEM

REGIÕES DE ATENDIMENTO INSPESOLDA

A Inspesolda atende em todo o território nacional. Entretanto, com sede em Osasco, a Inspesolda tem o foco de atuação no estado de São Paulo.

REGIÕES DE SÃO PAULO ONDE A INSPESOLDA ATENDE:

Grande São Paulo

  • ABC
  • ABCD
  • Alphaville
  • Arujá
  • Barueri
  • Caierias
  • Cajamar
  • Cotia
  • Diadema
  • Embu
  • Embu das Artes
  • Embu Guaçú
  • Franco da Rocha
  • Guarulhos
  • Itapecerica da Serra
  • Itapevi
  • Jandira
  • Mairiporã
  • Mauá
  • Osasco
  • Ribeirão Pires
  • Santana de Parnaíba
  • Santo André
  • São Bernardo do Campo
  • São Caetano do sul
  • Suzano
  • Taboão da Serra

Litoral de São Paulo

  • Bertioga
  • Cananéia
  • Caraguatatuba
  • Cubatão
  • Guarujá
  • Iguape
  • Ilha Comprida
  • Ilhabela
  • Itanhaém
  • Mongaguá
  • Peruíbe
  • Praia Grande
  • Riviera de São Lourenço
  • Santos
  • São Sebastião
  • São Vicente
  • Ubatuba

Região Central

  • Aclimação
  • Bela Vista
  • Bom Retiro
  • Brás
  • Cambuci
  • Centro
  • Consolação
  • Higienópolis
  • Glicério
  • Liberdade
  • Luz
  • Pari
  • República
  • Santa Cecília
  • Santa Efigênia
  • Vila Buarque

Zona Leste

  • Água Rasa
  • Anália Franco
  • Aricanduva
  • Artur Alvim
  • Belém
  • Cidade Patriarca
  • Cidade Tiradentes
  • Engenheiro Goulart
  • Ermelino Matarazzo
  • Guianazes
  • Itaim Paulista
  • Itaquera
  • Jardim Iguatemi
  • José Bonifácio
  • Moóca
  • Parque do Carmo
  • Parque São Lucas
  • Parque São Rafael
  • Penha
  • Ponte Rasa
  • São Mateus
  • São Miguel Paulista
  • Sapopemba
  • Tatuapé
  • Vila Carrão
  • Vila Curuçá
  • Vila Esperança
  • Vila Formosa
  • Vila Matilde
  • Vila Prudente

Zona Norte

  • Brasilândia
  • Cachoeirinha
  • Casa Verde
  • Imirim
  • Jaçanã
  • Jardim São Paulo
  • Lauzane
  • Paulista
  • Mandaqui
  • Santana
  • Tremembé
  • TucuruviVila
  • Guilherme
  • Vila Gustavo
  • Vila Maria
  • Vila Medeiros

Zona Oeste

  • Água Branca
  • Bairro do Limão
  • Barra Funda
  • Alto da Lapa
  • Alto de Pinheiros
  • Butantã
  • Freguesia do Ó
  • Jaguaré
  • Jaraguá
  • Jardim Bonfiglioli
  • Lapa
  • Pacaembú
  • Perdizes
  • Perús
  • Pinheiros
  • Pirituba
  • Raposo Tavares
  • Rio Pequeno
  • São Domingos
  • Sumaré
  • Vila Leopoldina
  • Vila Sonia

Zona Sul

  • Aeroporto
  • Água Funda
  • Brooklin
  • Campo Belo
  • Campo Grande
  • Campo Limpo
  • Capão Redondo
  • Cidade Ademar
  • Cidade Dutra
  • Cidade Jardim
  • Grajaú
  • Ibirapuera
  • Interlagos
  • Ipiranga
  • Itaim Bibi
  • Jabaquara
  • Jardim Ângela
  • Jardim América
  • Jardim Europa
  • Jardim Paulista
  • Jardim Paulistano
  • Jardim São Luiz
  • Jardins
  • Jockey Club
  • M’Boi Mirim
  • Moema
  • Morumbi
  • Parelheiros
  • Pedreira
  • Sacomã
  • Santo Amaro
  • Saúde
  • Socorro
  • Vila Andrade
  • Vila Mariana

ENCONTRE ARTIGOS

CATEGORIAS DE ARTIGOS

TOP 5 ARTIGOS

1- Inspetor de Solda: O Guia Absolutamente Completo!

2 – Símbolos Básicos de Soldagem

3 – Tipos de Inspeção de Soldagem: Tudo que Você Precisa Saber

4 – A Verdade Sobre Qualificação de Soldadores AWS D1.1

5 – NR-18 Progresso Importante na Segurança Preventiva

ARTIGOS RECENTES

  • Análise De Trinca Na Solda

    COMO REALIZAR UMA ANÁLISE DE TRINCA NA SOLDA E GARANTIR A INTEGRIDADE DAS ESTRUTURAS Na

  • O Que Significa Mig

    DESCOBRINDO O QUE SIGNIFICA MIG: TUDO SOBRE A SOLDAGEM MIG Mergulhar no mundo da soldagem

  • Radiografia Industrial

    RADIOGRAFIA INDUSTRIAL: O GUIA DEFINITIVO PARA INICIANTES A radiografia industrial emerge como uma ferramenta inestimável

  • Laudo de Ultrassom

    A IMPORTÂNCIA DO LAUDO DE ULTRASSOM EM INSPEÇÕES NÃO DESTRUTIVAS LAUDO DE ULTRASSOM Você já

  • Junta Sobreposta

    A IMPORTÂNCIA DA JUNTA SOBREPOSTA EM APLICAÇÕES INDUSTRIAIS JUNTA SOBREPOSTA Você já parou para pensar

Compartilhe!

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe em sua rede social preferida.

Os arquivos nesta página são protegidos por direitos autorais. Sem a autorização do autor, é proibido copiar todo ou parte de seu conteúdo, ou mesmo citar nossos links. Artigo 184 da Lei Penal, Declaração de 98-Art 9.610 como violação dos direitos de propriedade intelectual.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

All in one
Fale conosco
Rolar para cima