Categorias
Qualificação

ELABORAÇÃO DE IEIS CONHEÇA AGORA

O que é uma IEIS ?

O acrônimo IEIS significa Instrução de Execução e Inspeção de Soldagem, e é neste documento que detalhamos todas as etapas da execução da soldagem, desde a preparação até o teste final, selecionando processos e todos os testes aplicáveis ​​para garantir a estanqueidade, integridade, resistência e estética da solda.

Com o intuito de racionalizar os documentos de uso fabril e unir as fases de inspeção e testes, foi criado a Instrução de Execução e Inspeção de Soldagem(IEIS), esse documento não esta previsto em nenhum código de construção, e  sim previsto na Norma Petrobrás N 133K a elaboração de IEIS.

É nada mais que um resumo da EPS e das fases de inspeção tais como Inspeção Antes da Soldagem, Durante a Soldagem, Após a Soldagem e Após Tratamento Térmico essas inspeções são previstas nas varias seções e artigos do código/norma de soldagem.

Os parâmetros de soldagem informados na elaboração de IEIS devem basear-se nos valores estabelecidos nas Especificações de procedimentos de soldagem (EPS) qualificados e nas tolerâncias permitidas pelas normas de qualificação aplicáveis.

ELABORAÇÃO DE IEIS

Como deve ser detalhado ?

A elaboração de IEIS devem ser detalhadas para cada junta a ser soldada. No entanto, quando o número de juntas do equipamento ou estrutura a ser soldado é tão alto que a individualização é impraticável ou inadequada, é permitido o agrupamento de juntas idênticas na IEIS.

Formulário da lei PETROBRAS N2301

Na IEIS, a rastreabilidade entre a junta individual e o procedimento de soldagem aplicável deve ser garantida. Na elabaoração de IEIS, o formulário da lei, de acordo com a PETROBRAS N2301, deve conter pelo menos as seguintes informações:

a) identificação do procedimento de soldagem (EPS / RQPS);

 b) esboço de chanfro e símbolo de soldagem de acordo com a AWS A2.4;

c) especificação do metal base, diâmetro (se aplicável) e espessura de cada membro da junta; d) passe o rascunho da sequência, para soldas angulares onde é necessário aperto;

e) parâmetros de soldagem, mencionados para cada passo de soldagem, ou seja: processo de soldagem; classificação, marca registrada e diâmetro de eletrodos, fios ou barras; tipo e intensidade atuais; velocidade, se aplicável, tensão e polaridade; classificação e marca registrada dos fluxos (se aplicável).

tipo e fluxo de gases de purga e proteção (se aplicável); técnica de deposição (se aplicável), reta ou oscilante e indicação do valor mínimo ou máximo da largura do passe; posição e progressão da soldagem (se aplicável);

f) método de limpeza inicial e interpasses;

 g) técnica de goivagem (se aplicável);

h) temperatura de pré-aquecimento e técnica de aplicação;

i) temperatura de passagem.

Além dessas informações, você também deve ser informado na elaboração de IEIS:

a) design e identificação do equipamento ou estrutura a ser soldada, com a localização das juntas a serem soldadas;

 b) identificação individual da junta ou grupo de juntas a serem soldadas conforme descrito anteriormente;

c) Informações específicas para a inspeção da soldagem da junta ou grupo de juntas 2.

ENCONTRE ARTIGOS

CONHEÇA O GLOSSÁRIO DA SOLDAGEM

CATEGORIAS DE ARTIGOS

ARTIGOS TOP 5

1- Inspetor de Solda: O Guia Absolutamente Completo!

2 – Símbolos Básicos de Soldagem

3 – Tipos de Inspeção de Soldagem: Tudo que Você Precisa Saber

4 – A Verdade Sobre Qualificação de Soldadores AWS D1.1

5 – NR-18 Progresso Importante na Segurança Preventiva

ARTIGOS RECENTES

CONTATO INSPESOLDA

Atuamos desde a análise de projeto a entrega do produto acabado. Solicite um orçamento!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *